psicologia-2.jpg

Psicologia

Porque vamos ao psicólogo?

- Buscar autoconhecimento; 
- Quando enfrentamos momentos conturbados;
- Sentimentos constantes de tristeza, ansiedade, estresse, raiva, desânimo
- Separações, lutos, perdas ou mudanças

 

Terapia cognitivo comportamental 

A Terapia Cognitivo Comportamental ou TCC é uma abordagem dentro da psicologia clínica, essa abordagem é bastante específica, clara e direta. É utilizada para tratar demandas diversas de forma eficiente. Seu objetivo principal é identificar padrões de comportamento, pensamento, crenças e hábitos que estão na origem dos problemas,  indicando, a partir disso, técnicas para alterar essas percepções de forma positiva. A TCC se destina tanto ao tratamento dos diferentes transtornos psicológicos e emocionais como a depressão, ansiedade, transtornos psicossomáticos, transtornos alimentares, fobias, traumas, entre outros.

A Terapia Cognitivo Comportamental também é amplamente utilizada em diversas questões que envolvem nossa vida, como: dificuldades nos relacionamentos, escolhas profissionais, luto, separações, perdas, estresse, dificuldades de aprendizagem, desenvolvimento pessoal, desenvolvimento professional, melhora de performance e desempenho etc. 

 

Terapia EMDR – Reprocessamento de traumas

O EMDR é uma abordagem terapêutica de Dessensibilização e Reprocessamento de traumas. Essa terapia é focada em superar experiências dolorosas do passado.
Experiências de vida, ainda que não tão complexas, podem ser registradas pelo cérebro como um trauma, com a terapia emdr o evento traumático é acessado e reprocessado, através de moimentos bilaterais. Essa estimulação pode ser realizada por meio de movimentos oculares, táteis ou auditivos, com o auxílio de tecnologias aplicas a saúde.

 

A Terapia EMDR permite o acesso à rede de memória traumática, através da estimulação sensorial bilateral (ocular, auditiva e/ou tátil), para melhorar o processamento de informações, com novas associações entre a memória traumática e memórias mais adaptativas.
Inicialmente, a abordagem foi utilizada para tratar Transtornos de Estresse Pós-Traumático (TEPT), tais como abusos sexuais, estupros, traumas de guerra, assaltos, desastres naturais e outros tipos de violência.

 

Hoje, entretanto, aplica-se a tratamento de ansiedade, depressão, insegurança, medos, traumas, fobias, transtorno de pânico, problemas de relacionamento pessoal, baixa autoestima, transtorno do sono, instalação de recursos positivos e melhora no desenvolvimento pessoal e profissional.

 

Terapia Brainspottig 

O Brainspotting é focado em processar e liberar as fontes neuropsicológicas de dor física/emocional, trauma, dissociação e uma variedade de outros sintomas desafiadores. 
É uma terapia que usa a sintonia dual entre terapeuta e cliente focando o campo visual do cliente para acessar pontos de ativação no cérebro relativo aos eventos traumáticos. Acessando esses pontos, começa a dissolver traumas ou situações indesejadas na vida das pessoas. O Brainspotting permite usar a capacidade natural do cérebro de se autoescanear, de forma que podemos ativar, localizar e processar as origens do trauma e perturbação no corpo.

 

Neurofeedback

O Neurofeedback é um tratamento que tem como principal objetivo melhorar o funcionamento cerebral por meio da neuromodulação autorregulatória. Ele é responsável por estimular as habilidades naturais do cérebro, regulando e desenvolvendo suas potencialidades, corrigindo distúrbios, o que contribui para um melhor desempenho cognitivo e comportamental. É feito por meio de sensores que captam sinais elétricos provenientes dos neurônios, sendo decodificados e processados por um software especializado. Com isso, o funcionamento do cérebro pode ser acompanhado em tempo real pel tela de um computador. A partir de então, a pessoa vai aprendendo, por erros e tentativas, a levar o cérebro a uma transformação.

btn-lg-whatsapp.png